HomeBelo HorizonteVetor Norte ganha 1ª entidade de fomento ao Empreendedorismo Feminino
vetor norte mulheres empreendedoras

Vetor Norte ganha 1ª entidade de fomento ao Empreendedorismo Feminino

Aconteceu na noite de ontem (12), no auditório do Hotel eSuites Spa Lagoa Santa, a Solenidade de posse da diretoria da Rede de Mulheres Empreendedoras do Vetor Norte – RMEVN.

Leia também: Confira a 2ª edição do Vetor Norte Notícias Impresso;

Leia também: Vereador Paulo da ADM abraça campanha “Eu compro em Lagoa Santa, e aprovo!”

Primeira entidade totalmente integrada e sem fins lucrativos, a Rede tem como mote apoiar e fomentar o empreendedorismo feminino na região.

Com a iniciativa de trazer inovação e pioneirismo, a associação será formada por empreendedoras mineiras que, engajadas com a comunidade em suas cidades, se propõem a fazer um trabalho sério e coerente.

auto escola dinaggio
Há mais de 20 anos formando bons condutores. Confira as promoções de fim de ano.

O objetivo caminha por histórias de vida, passando pelo empreendedorismo, chegando à atuação da mulher na sociedade e na economia.

“Queremos dar rosto as mulheres invisíveis”, ressalta Angela Paulo, integrante da instituição, que ainda afirma:

“É preciso que a mulher tenha o seu lugar em evidência e cada vez mais conquiste a participação ativa em nossa região.

Por isso, criamos esta rede de mulheres para empoderar outras mulheres, na vivência ética, de mercado, e nos aspectos social e cultural”.

Para Maura Albano, que também faz parte da nova entidade, a iniciativa de criar a associação parte para uma necessidade de desconstrução de paradigmas.

“A discussão positiva, assim como as práticas de ações podem contribuir gradativamente na mudança de realidades e na mudança de pensamentos, com ‘mentes abertas’ a promover equidade, ao diálogo e atitudes de autovalorização”.

Participante também do Coselho, Maria Rita acrescenta que, na esfera da sociedade, o trabalho da entidade se estenderá a todas as mulheres, inclusive no que se refere ao acompanhamento de meninas.

“É a é a partir da infância e da adolescência que muitas meninas começam a sonhar o futuro, projetando na mente algum desejo positivo que pode se tornar uma realidade se for bem trabalhado e incentivado”, destacou.  

Inicialmente formada por oito mulheres de várias cidades do Vetor Norte, a Rede de Mulheres Empreendedoras, pretende ainda contribuir para a qualidade de ensino de caráter empreendedor nas escolas públicas e privadas da região.

Além disso, Rede de Mulheres Empreendedoras irá atuar junto às autoridades públicas e privadas.

A entidade irpa promover campanhas de empreendedorismo, educação financeira, econômica, cultural e social nas comunidades da região com o intuito de preservar e recuperar o crescimento sustentável dos municípios que compõe o Vetor Norte da Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Outro propósito destas mulheres empreendedoras é promover o networking, a ampliação e a captação de investimentos para a obtenção de recursos, o que vai valorizar o desenvolvimento e crescimento da região.   

Para saber mais sobre a Rede de Mulheres Empreendedoras do Vetor Norte, ser um parceiro ou associar-se à instituição, acesse o site: www.mulheresdovetornorte.com.br.

Por Felipe Cruz, com colaboração de Dione Alves.

Compartilhar com:
Classifique este artigo
Sem Comentários

Comente

})(jQuery)