HomeDestaque 2Pedágio na MG 424 pode voltar a pauta do Governo – vereador é contra
pedágio na mg 424

Pedágio na MG 424 pode voltar a pauta do Governo – vereador é contra

A polêmica envolvendo a instalação de um posto de pedágio na MG 424 pode voltar a pauta do Governo de Minas, é o que afirma o vereador Fred Piau durante a Reunião Plenária do dia 21/05.

Leia também: Pilotos “decolam” em pista de Motocross no Aeroporto de Confins

 

Leia também: Caminhão invade residência e helicóptero Arcanjo é acionado

adm lagoa Santa

Empréstimos e seguros em Lagoa Santa é na ADM.

O parlamentar contou sobre o encontro com o Secretário de Estado, Marco Aurélio, durante o Congresso Mineiro de Municípios, que ocorreu na última semana, no Mineirão.

De acordo com o parlamentar, durante uma conversa informal, o secretário pediu apoio do parlamentar pedroleopoldense.

vereador pedro leopoldo

Fred Piau mantém sua posição contrária ao Pedágio na MG 424.

“Estava no Congresso, uma experiência enriquecedora, e fui conversar rapidamente com o Marco Aurélio que deu uma palestra.

Foi um papo informal, mas assustei quando ele pediu apoio para retornar as conversas da implantação do posto de pedágio. Não estou dizendo que vai acontecer, mas assustei.

Na hora eu falei que não apoio e o povo de Pedro Leopoldo não vai aceitar, pois foi com muita luta que conseguimos evitar, juntou vereadores, prefeito, empresários, a população, todos lutando juntos contra o pedágio”, declarou Piau.

Mc Locações Lagoa Santa

O melhor preço de Lagoa Santa em equipamentos para sua obra e aluguel de caçambas.

Polêmica – Pedágio em Pedro Leopoldo

Há pouco mais de um ano, a população de Pedro Leopoldo foi pega de surpresa com o anúncio da implantação de um posto de pedágio na MG 424. O objetivo era duplicar pequenos trechos da via que já foi reformada como parte das obras para a Copa do Mundo 2014.

Na ocasião, a Câmara Municipal de Pedro Leopoldo conseguiu unir empresários da região que contrataram um profissional para barrar o edital.

dentista em lagoa santa

Estamos atrás da Igreja Matriz, no entorno da Praça do Liliu. Faça seu orçamento conosco, sem compromisso!

Na época, inclusive, a população participou de audiências públicas para debater o tema e uma manifestação pacífica foi organizada envolvendo vereadores e prefeitos do vetor norte.

Vale destacar que essa “ideia” inicial partiu do governo Fernando Pimentel (PT).

Vale o sinal de alerta para autoridades de Pedro Leopoldo e cidades do vetor norte. Acionem seus deputados na Assembleia e digam NÃO AO PEDÁGIO NA MG 424.

Por Felipe Cruz, com informações da CMPL.

Compartilhar com:
Classifique este artigo

Comente

})(jQuery)