HomeMundo WebNovo escândalo no futebol brasileiro – FIFA afasta Del Nero
presidente da cbf del nero

Novo escândalo no futebol brasileiro – FIFA afasta Del Nero

Em novo escândalo no futebol brasileiro, Del Nero é acusado de receber US$ 6,5 milhões em propina para privilegiar emissora de tv em contratos de transmissão.

 

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, foi afastado do futebol por 90 dias. A decisão do Comitê de Ética da FIFA aconteceu na reta final do julgamento do caso de corrupção no futebol em Nova York. Del Nero não é réu no caso, mas foi citado pelo empresário José Hawilla, dono da empresa Traffic, que afirmou ter pago propina a Del Nero e aos ex-presidentes da CBF José Maria Marin (réu na ação) e Ricardo Teixeira.

 

Del Nero não poderá participar de eventos do futebol no Brasil e no mundo, por 90 dias, a suspensão pode ser estendida por mais 45 dias antes da decisão final da entidade. Nesse período, ele será substituído pelo vice-presidente mais velho da entidade —Antônio Carlos Nunes, presidente da Federação Paraense de Futebol.

 

Apesar do escândalo no futebol brasileiro a CBF manifestou-se apenas por uma nota oficial:

 

“A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informa que recebeu nesta sexta-feira (15) a notificação da decisão do Comitê de Ética da Fifa, determinando a suspensão por 90 dias do presidente Marco Polo Del Nero. A entidade informa que, em cumprimento à citada decisão e em linha com seu Estatuto, o vice-presidente Antônio Carlos Nunes de Lima assume interinamente a Presidência.”

 

Del Nero, assim como Ricardo Teixeira, não viaja para fora do Brasil a anos com medo do FBI. Parece que fora do país a Lei funciona. Enquanto isso, os dois dirigentes curtem a boa vida no Brasil da impunidade.

 

Fullys
Compartilhar com:
Classifique este artigo
Sem Comentários

Comente