HomeLagoa SantaPolêmica! Banheiros na orla da Lagoa, você é a favor ou contra?
O Projeto de Lei nº 1932/2016, de autoria do Vereador Professor Wendel Mesquita (PSB) está dando o que falar na Câmara Municipal de Belo Horizonte. O PL autoriza a prefeitura a instalar banheiros em toda a extensão da Lagoa da Pampulha a cada 1 km. A proposta prevê ainda que a Prefeitura poderá realizar uma Parceria Público Privada – PPP para sua construção.

Polêmica! Banheiros na orla da Lagoa, você é a favor ou contra?

O Projeto de Lei nº 1932/2016, de autoria do Vereador Professor Wendel Mesquita (PSB) está dando o que falar na Câmara Municipal de Belo Horizonte. O PL autoriza a prefeitura a instalar banheiros em toda a extensão da Lagoa da Pampulha a cada 1 km. A proposta prevê ainda que a Prefeitura poderá realizar uma Parceria Público Privada – PPP para sua construção.  

Até quando Copasa? Quando não falta água, ela chega assim! [Assista ao vídeo]

“Os banheiros serão padronizados e aqueles que forem construídos ou instalados com recursos de empresas poderão conter propaganda do seu patrocinador. Atualmente temos apenas quatro banheiros dos quiosques que foram instalados pela PBH. Eles foram entregues aos carrinhos de alimentos, que ficam com a chave e cobram R$ 0,50. Nossa ideia é que tenha um banheiro com bebedouro a cada 1 km da orla, o que daria cerca de 18 estruturas voltadas para os usuários”, observa o vereador Wendel. 

De acordo com o projeto, os banheiros deverão ficar abertos das 6hs até as 23 horas, todos os dias da semana. Maiores de 60 anos e deficientes físicos terão gratuidade para o uso do banheiro. Um valor deverá ser cobrado para a manutenção dos banheiros, mas o preço será fixado pelo poder Executivo. 

Uma audiência publica no entorno da Lagoa da Pampulha deverá ser realizada. O objetivo do vereador Wendel é democratizar o debate, e vai convidar as secretarias de esportes e obras. Em dias de eventos culturais e esportivos na região, os banheiros também deverão funcionar, a fim de atender a demanda. 

Tramitação na Câmara 

O Projeto de Lei nº 1932/2016 já foi aprovado em primeiro turno por 32 votos favoráveis e apenas cinco contrários. Ainda não se tem previsão de votação em segundo turno. 

Lagoa Santa

 A cidade de Lagoa Santa possui uma das mais belas e mundialmente conhecida lagoa, a Lagoa Central. Mas seu principal cartão postal não possui nenhum banheiro público em toda sua extensão, aproximadamente 6,4km. 

Os bares da orla que, muita das vezes, serve de “apoio” para ciclistas, corredores e praticantes de esportes em geral. Não existe proposta em tramitação na Câmara Municipal da cidade similar a este projeto de Belo Horizonte. 

Mas e você, é a favor ou contra a instalação de banheiros públicos na orla da lagoa? 

Opine! 

Por Felipe Cruz

Compartilhar com:
Classifique este artigo

Formado em Jornalismo pelo Uni-BH, especializado em Marketing Político e Mídias Digitais. Ceo do Vetor Norte Notícias e editor-chefe do Portal. "Acredite nos seus sonhos e vá em busca de realizá-lo". Obrigado pela confiança no Vetor Norte Notícias! Faça contato conosco - 3681-6467.

jrfelipecruz@gmail.com

Comentários
  • Já tem um projeto aprovado do receptivo turístico na antiga casa da copasa, que terá banheiros, dinheiro do Fundo do Meio Ambiente cerca de 500 mil. Acho que esse fundo poderia ser melhor usado para resolver os problemas das áreas degradadas, como na área verde do Recanto da lagoa, orlas das lagoas do Franscisco Pereira e Olhos d’agua entre outros.

    16 de fevereiro de 2017
  • Sou contra banheiro na orla.

    16 de fevereiro de 2017
  • Sou super a favor. Já passou da hora de providenciarem uma melhor estrutura para turistas e desportistas que se utilizam do espaço, aquele que hoje é patrimônio cultural da humanidade. Afinal, são 18Km e, dependendo do horário e do ponto onde a pessoa se está na orla, não há comércio aberto, quando este não está muito distante. Quem nunca passou aperto na rua e desejou um banheiro por perto para se aliviar?

    20 de fevereiro de 2017

Comente