HomeConfinsTráfico Internacional de Drogas! Mulher é presa em Confins com 18 kg de Ecstasy
Uma mulher foi presa na tarde de hoje (29), no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, com 18 kg de Ecstasy. A droga foi encontrada pela Receita Federal em sua bagagem.

Tráfico Internacional de Drogas! Mulher é presa em Confins com 18 kg de Ecstasy

Uma mulher foi presa na tarde de hoje (29), no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, com 18 kg de Ecstasy. A droga foi encontrada pela Receita Federal em sua bagagem. 

A mulher voltava da cidade de Amsterdã, na Holanda. Antes de desembarcar em Confins, a mulher passou ainda pela cidade de Bruxelas, na Bélgica e Lisboa, Portugal. 

Quadrilha é presa em Lagoa Santa/Vespasiano e BH por Tráfico Internacional de armas

 

De acordo com agentes da Polícia Federal, a droga estaria avaliada em mais de R$ 2,8 milhões de reais. A droga estava armazena em 10 sacos plásticos espalhados por sua bagagem. 

Mais de 60 mil comprimidos foram apreendidos. A mulher, que não teve sua identidade divulgada, foi presa em flagrante e encaminhada para a Polícia Federal. 

O Ecstasy 

A metilenodioximetanfetamina (MDMA), mais conhecida por ecstasy, é uma droga moderna sintetizada (feita em laboratório), cujo efeito na fisiologia humana é a diminuição da reabsorção da serotonina, dopamina e noradrenalina no cérebro, onde estas substâncias ficarão em maior contato entre as sinapses, causando euforia, sensação de bem-estar, alterações da percepção sensorial do consumidor e grande perda de líquidos, pertencente a família das anfetaminas. 

As alterações ao nível do tacto promovem o contato físico, embora não tenha propriedades afrodisíacas, como se pensa, apenas aumenta o desejo incapacitando as condições fisiológicas para o ato sexual do indivíduo. O ecstasy ganhou notoriedade e perfusão com o desenvolvimento da moda techno e das festas rave. 

  

É vendido sob a forma de comprimidos e ocasionalmente em cápsulas. A dose de cada comprimido consumida é variável, podendo chegar de poucos miligramas a mais de 200 mg, muitas vezes misturadas a cafeína, amido, detergentes, sabão em barra e outras drogas.

 Por Felipe Cruz

Compartilhar com:
Classifique este artigo

Formado em Jornalismo pelo Uni-BH, especializado em Marketing Político e Mídias Digitais. Ceo do Vetor Norte Notícias e editor-chefe do Portal. "Acredite nos seus sonhos e vá em busca de realizá-lo". Obrigado pela confiança no Vetor Norte Notícias! Faça contato conosco - 3681-6467.

jrfelipecruz@gmail.com

Sem Comentários

Comente