HomeLagoa SantaSábado é marcado por duas mortes e troca de tiros no centro de Lagoa Santa

Sábado é marcado por duas mortes e troca de tiros no centro de Lagoa Santa

Aconteceu na noite/madrugada de ontem (03), duas mortes e uma troca de tiros em Lagoa Santa, cidade que compõe o vetor norte da capital.

1ª Morte

Um jovem foi morto a tiros por volta das 22 horas no bairro Palmital. O fato ocorreu dentro do Residencial Bem Viver (Minha Casa Minha Vida).

De acordo com testemunhas, um veículo branco com três indivíduos entrou na área comum do Residencial. Quando avistaram um grupo de homens, começaram a atirar.

Um jovem, com pouco mais de 20 anos, conhecido como Arthur, foi alvejado com muitos tiros. Ele chegou a ser socorrido pela Polícia Militar, mas não resistiu aos ferimentos. Militares encontraram próximo ao corpo mais de 20 cápsulas deflagradas.

Jovem Arthur, morto no bairro Palmital.

Leia também: Vereador cobra mais horários nos ônibus do transporte coletivo

2ª Morte

Por volta das 02:00 horas da madrugada um veículo modelo Eco Sport, de cor prata, passou atirando em um bar, na Rua ÍCaro, bairro Aeronautas. Segundo militares, cerca de 30 pessoas estavam no comércio na hora dos tiros, mas apenas um jovem de sobrenome Bartolomeu foi atingido.

Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Tiroteio

Um tiroteio aconteceu também na madrugada deste sábado no centro de Lagoa Santa, entre um veículo Modelo Eco Sport prata e uma viatura da Polícia Militar. Esse veículo era o mesmo identificado como suspeito do crime no bairro Aeronautas.

A troca de tiros iniciou próximo a Praça Dr. Lund, e continuou ruas acima. E após longa perseguição, o veículo Eco Sport foi abandonado próximo ao Hotel Hora, esquina da Av. Pinto Alves.

No veículo foi encontrado uma arma de fogo, modelo “macaquinha”, capaz de disparar dezenas de tiros por minuto. A polícia investiga o caso, mas aponta o tráfico de drogas como motivação dos assassinatos.

Jovem morto no bairro Aeronautas.

Vale ressaltar o empenho dos militares na busca pelos suspeitos dos crimes. Uma incansável investigação varreu a madrugada de sábado, entrando pela manhã de domingo, nos bairros onde os crimes aconteceram.

É muito difícil para nossa equipe noticiar fatos como esse, ainda mais em um domingo, onde todas as famílias devem estar reunidas celebrando a vida. Mas é nosso dever, como imprensa, mostrar para a população o dia a dia das cidades do Vetor Norte.

Nossa solidariedade aos familiares das vítimas.

Da redação!

Fullys
Compartilhar com:
Classifique este artigo

Formado em Jornalismo pelo Uni-BH, especializado em Marketing Político e Mídias Digitais. Ceo do Vetor Norte Notícias e editor-chefe do Portal. "Acredite nos seus sonhos e vá em busca de realizá-lo". Obrigado pela confiança no Vetor Norte Notícias! Faça contato conosco - 3681-6467.

jrfelipecruz@gmail.com

Comente