HomeBelo HorizonteNovos radares em Belo Horizonte entram em operação hoje (5) – confira os locais
Radar em BH

Novos radares em Belo Horizonte entram em operação hoje (5) – confira os locais

Cinco novos detectores de avanço de sinal entram em operação nesta quarta-feira (5), em Belo Horizonte. Eles foram divididos entre os bairros Centro, Savassi e Mangabeiras, região Centro-Sul.

Leia também: Casal aplica golpe em idosa no Centro de Lagoa Santa e leva mais de R$ 2 mil

dentista em lagoa santa

Estamos atrás da Igreja Matriz, no entorno da Praça do Liliu. Faça seu orçamento conosco, sem compromisso!

Segundo a BHTrans, os equipamentos aumentam as condições de segurança e reduzem os índices e o número de vítimas de acidentes de trânsito. A empresa também informou que os locais não foram escolhidos aleatoriamente, mas sim, seguindo critérios e estudos técnicos.

Confira os locais ondes serão instalados os novos detectores de avanço de sinal em Belo Horizonte:

Avenida do Contorno, nº  8995 – Sentido Barro Preto / Savassi

Avenida Álvares Cabral esquina com avenida Afonso Pena – Sentido praça Afonso Arinos / Centro

Avenida Afonso Pena esquina com avenida Álvares Cabral – Sentido praça Rio Branco / Mangabeiras

Avenida Getúlio Vargas esquina com avenida Afonso Pena – Sentido Funcionários / Savassi

Rua Cláudio Manoel esquina com avenida Getúlio Vargas – Sentido Funcionários / Savassi

Radar em BH

Cinco novos radares começam a operar hoje em BH.

Dados da BHTrans

Estudos técnicos realizados pela BHTrans demonstram que os pedestres representaram 26% das vítimas fatais no trânsito e, juntamente com os motociclistas, representam 69% do total de vítimas no ano de 2015.

Contudo, o número de fatalidades com pedestres caiu de 103 para 39 entre os anos de 2004 e 2015. Enquanto o número de motociclistas aumentou de 43 para 65, considerando o mesmo período.

Mc Locações Lagoa Santa

O melhor preço de Lagoa Santa em equipamentos para sua obra e aluguel de caçambas.

Apesar disso, as vítimas fatais e de atropelamentos vem reduzindo, mesmo com o aumento de polos geradores de pedestres, da população e o aumento da frota, principalmente de motocicletas (crescimento de 174% em relação a 2004).

Os indicadores de Belo Horizonte demonstram uma redução considerável em todas as taxas ao longo dos anos, com destaque para a taxa de mortalidade por 10.000 veículos que caiu de 2,64 (2004) para 0,89 (2015).

Da redação!

Formado em Jornalismo pelo Uni-BH, especializado em Marketing Político e Mídias Digitais. Ceo do Vetor Norte Notícias e diretor de conteúdo.
“Cerque-se de pessoas que querem ver você crescer!”

Contato: (31) 99659-0015

Fullys
Compartilhar com:
Classifique este artigo
Sem Comentários

Comente